Páginas

segunda-feira, janeiro 30, 2012

Aquilo que tem dentro de você.

Beautiful,girl,photography,dark,hair,girl,mirror,hair-413c613c9485f84947491aef0eda4335_h_large
Recebi há um tempinho um e-mail de uma leitora pedindo ajuda, e só tive tempo de pôr aqui no blog agora. Ela se denominou ''T.A'', e seu e-mail pedia conselhos, e alguma forma de ajuda para que ela pudesse deixar a insegurança e o medo de lado, está aí o e-mail...
''Oi Bia, tudo bem? Eu não sei a quem recorrer, e vim até seu e-mail com o propósito de te pedir um grande favor...o de me ajudar a mudar quem sou. Tenho 15 anos, e me chamam de ''anti-social'' no colégio. Na verdade, sou uma pessoa medrosa demais, passo insegurança só de respirar. Perdi meu namorado por medo de arriscar, e quase não tenho amigas, pois sou muito tímida e fico desconfortável quando não me envolvem em assuntos gerais. Não sei mais o que faço e quero uma forma de me soltar na frente das pessoas...Eu amo estudar, me dou super bem em matématica e toco teclado desde pequena. Mas isso se torna muito pequeno quando vejo que estou sozinha. Por favor, me ajuda?''
T.A., mas que complicação, né? Você já pensou no que pode estar causando esse medo todo? Eu achei bem estranho certas coisas que acontecem contigo, e pelo que eu li, acho que essa insegurança toda vem apenas do medo de não ser tão bem aceita, né? Você só é reprimida pelo fato de não querer mesmo se socializar...aliás, você tem que agir de modo diferente só que em sua zona de conforto. Ou seja, se você se sentia bem sendo ''sozinha'', não mudasse por ninguém. Mas vejo que não é assim, e que você quer SE mudar. Então...ponha na cabeça que um ''oi, tudo bem?'' não mata ninguém, mas inicia um bom diálogo, e quem sabe, também uma boa amizade. Não custa nada ceder um pouco e começar a se aproximar das pessoas. Se você não quer começar assim de cara, tenta pela internet...já é meio caminho andado! Você disse que era boa em cálculo e que tocava muito bem...porque não usa seus talentos para fazer mais amigos e para fazer as pessoas se aproximarem de ti? Pensa bem no que você andou perdendo nesse tempo em que ficava reprimida nos cantos e sem companhia...você continua querendo ficar de fora de tudo? Acho que não né...então, não deixe seus medos impedirem você de ser feliz e de alcançar suas metas.
Só não seja alguém que você acha que é, seja simplesmente o que você é. Meu conselho eu já dei, mas a parte prática...ela fica com você!

Vocês também tem algum problema? Querem algum conselho? Então manda lá...perfeitainexistencia1@gmail.com !!

2 comentários:

Jaqueline Beatriz disse...

Oi Beatriz, estava fazendo uma pesquisa e encontrei seu blog, muito fofo, e esto ficando por aqui.
Sobre a amiga T.A não é fácil viver neste mundo cheio de complicações, o importante é saber que somos especiais exatamente assim como Deus nos criou, somos únicos e isso faz de nós pessoas insubstituíveis, valorize-se, ame-se e depois os outros vão te amar também.
Beijinhos

IzaCarrion disse...

Gostei do post de ajuda. Acho que ela deveria se soltar mais, mas não tanto tanto tanto, algo que fosse fazer ela se sentir melhor. Ás vezes você sorrir e dar oi pra alguém não faz mal mesmo, e não se importe tanto com a opnião das pessoas, aos poucos você faz amizades, e quem sabe até recupere o namorado. Se solte aos poucos, mas desde que se sinta confortável.
http://prooximaparada.blogspot.com