Páginas

quarta-feira, março 16, 2011

Posso, quero, sinto, ah!

Tumblr_li3uhldy711qfkivyo1_500_large
Posso ser louca, ingênua, infantil, idiota, dasapegada e sem nenhuma noção da realidade. Mas sei ser séria quando é preciso, sei conversar quando necesário, e sei agir a qualquer hora. Faço loucuras, digo besteira, quero sempre aventura, adrenalina, diversão.
Gosto mesmo de aproveitar, de ver, rever, amar, sentir, tocar, e isso nunca me fez pior ou melhor do que as pessoas pensam de mim. Sei que apesar de todas as opiniões, sempre permanece uma coisa, algo chamado verdade. A verdade que dói, machuca, arrebata e derruba. Aquela que esfrega na cara tudo que você fingiu não ver fechando os olhos. Aquela que aparece do nada, e toma conta de você de uma forma louca por alguns instantes.
Também tenho sentimentos. Mas aprendi a fechá-los e só abrir pro mundo quando realmente for necessário. Sou carinhosa, amorosa e amo abraços, mas nem por isso digo te amo todo tempo, nem preciso ficar falando verdades que ninguém quer saber, e eu não quero contar.
Gosto de verdades por inteiro, prefiro que me machuquem do que me iludam. Prefiro aprender tombando do que viver onde não existe nada concreto sobre o que posso ou não fazer.

2 comentários:

mysty (Bárbara Thamíres) disse...

oioi...adorei..rarsrsrsr....


te seguindo...me segue tbm.bjimm....
aproveita pra divulgar o blog...como?
acessa:

http://overdosevip.blogspot.com

jennyfer Lima disse...

Beatriz
amei seu blog
muito lindo e criativo *-*
estou seguindo'
passando para lhe convidar a visitar o "Só por hoje"
http://jennyferlima.blogspot.com/
se gostar siga la ;)

Bjok's ;*