Páginas

segunda-feira, maio 09, 2011

Apenas sentimento.

Tumblr_lkty2lk3su1qf3v8bo1_500_large

Eu, você. O amor. Coisa difícil, complicada.
Nos filmes, nas novelas, é tudo tão fácil. Você olha, sorri, se beija, é feliz, e tudo mais aí. Não sei como é isso. Aqui na vida real acontece sim: você olha, sorri, e tem todo um jogo, aquele ''será que ele me ama?'', ''conto ou não?'', mais uma vez eu digo: coisa complicada essa.

Se eu gosto? Gosto, mas isso dói, e como dói. Faz você sentir uma dor tão grande e depois tão pequena, que seu ego não cabe dentro de si, com essa sobrecarga de sentimentos.

Nunca soube falar o que é amor, e acho que não é agora que vou saber, mas de uma coisa eu sei, aliás, não só uma, são várias coisas. Que o amor enlouquece, te deixa sorrindo feito idiota por um tempão e depois te faz chorar de noite. Que o amor é bom e ruim. É dor e alegria. É emoção, sentimento.

Que ele é responsável por você não conseguir fechar os olhos a noite, por você começar a se interessar por coisas totalmente loucas, que ele te faz sonhar, suspirar, ficar mais bonita. Na real, eu nunca vou entende-lo, mas não posso deixar de sentir. Ele apenas vem
Gosto do amor, e gosto mais ainda de saber usá-lo.

É como já dizia alguém muito inteligente ''Amor mesmo é chorar uma noite inteira por causa de alguém e ainda acordar amando-a, pronta pra perdoar.''

1 comentários:

Garota Ambulante disse...

awnnn que fofo. Isso é sintoma de gente apaixonada hein?! hmmm.